Anúncios

Letra de Câmbio: o que é e como investir?

A Letra de Câmbio é uma das opções de investimento de renda fixa que oferece segurança e rentabilidade aos seus investimentos. Saiba mais:

Letra de Câmbio
Fonte: Google

Você já ouviu falar em LC Letra de Câmbio?

Não? Pois, saiba que você está perdendo a oportunidade de investir em uma alternativa tão segura quanto a poupança

E que diferentemente da caderneta possui uma rentabilidade muito melhor, podendo ser uma alternativa interessante para investidores iniciantes e para investidores que desejam diversificar a sua carteira de investimento.

A LC como pode ser abreviada, é uma alternativa de investimento que faz parte do leque de opções de renda fixa.

Ou seja, as regras de remuneração do investimento são definidas no momento inicial de contratação.

Consiste em uma alternativa de investimento que está atrelada a taxa de juros, ou seja, quão mais elevado estiver a taxa de juros do mercado econômico melhor será a rentabilidade da Letra de Câmbio.

Mas não se preocupe, aqui eu vou te apresentar todas as principais informações acerca do assunto.

Até porque, para que efetivamente seja uma boa opção de investimento para você, é preciso que você a conheça bem.

Letra de Câmbio conceito

No que você pensa quando vê o termo “Letra de Câmbio”?

Bom, a Letra de Câmbio é um modelo de investimento muito similar ao CDB, Certificado de Depósito Bancário, que nós já vimos aqui.

A principal diferença entre eles consiste em seu administrador, ou melhor, em que os emite e igualmente os administra.

Enquanto o CDB é das instituições financeiras, ou seja, dos bancos, a Letra de Câmbio é emitida pelas financeiras.

A LC como vimos, consiste em um investimento de renda fixa, e, na prática, é muito similar ao CDB de fato.

Você empresta um determinado valor, que aqui podemos entender como investimento.

Você empresta/investe tanto para o banco quanto para a financeira, e no período determinado no momento do empréstimo, você recebe o valor devido acrescido de correção monetária.

A rentabilidade de ambos é bem similar.

Por exemplo, a rentabilidade da LC pode ser 100% do Certificado de Depósito Interbancário, CDI, ou uma taxa fixa definida entre as partes, combinada de um indicador econômico, como o IPCA, por exemplo.

Se você conhece como funciona a dinâmica do CDB, deve estar se confundindo bastante durante a leitura, mas o fato é que ambos são idênticos tendo como principal e única diferença apenas quem faz a sua emissão, no mais são investimentos bem similares.

Você deve estar se perguntando por que considerar o LC se já temos o CDB, não é mesmo? A resposta é simples.

Por que considerar o investimento em LC?

Mesmo tendo acesso ao CDB como uma opção interessante de investimento, você pode muito bem encontrar em uma financeira uma opção de Letra de Câmbio com boa rentabilidade e com o tempo que você planeja investir.

Tendo conhecimento sobre essa modalidade de investimento, você não perde a oportunidade de diversificar a sua carteira de investimentos.

E não se preocupe, assim como a poupança e outros tipos de investimento, a Letra de Câmbio tem o FGC, o Fundo Garantidor de Crédito.

Que nada mais é do que uma garantia que caso a financeira que emitiu o título venha a apresentar problemas financeiros.

Ou mesmo falir, você possa receber o seu dinheiro de volta com os devidos rendimentos previstos para o período.

Vale destacar, investimentos no valor de até duzentos e cinquenta mil reais estão assegurados pelo FGC.

Quais os tipos de investimento são possíveis fazer por meio da Letra de Câmbio?

Há três tipos de rendimento que você pode optar na hora de comprar a sua LC.

Vamos conhecer cada uma delas para que você possa escolher assertivamente qual a melhor opção para você.

Prefixada: O modelo de rentabilidade prefixada se faz mais fácil de entendermos.

Nela, o investidor sabe exatamente qual será o seu retorno no início do investimento e esse valor não sofre alteração ao longo do período independente do cenário econômico.

Costuma ser a opção mais interessante entre às três quando a projeção da taxa de juros é de queda.

Pós-fixada: a Letra de Câmbio pós-fixada, como o nome sugere, não dá ao investidor uma ideia exata de quanto o vai receber.

Ele somente saberá quanto efetivamente vai receber no momento de resgate do seu investimento.

Para facilitar um pouco a vida do investidor, há no mercado alguns simuladores de investimento que promovem uma projeção do rendimento que você terá.

Todavia, se faz necessário destacar que se trata unicamente de uma projeção.

O que o investidor sabe nesse tipo de investimento é o indicador ao qual o seu rendimento está atrelado, se o indicador subir, o rendimento também sobe.

Mas o inverso também é verdadeiro, e se o indicador tiver uma abrupta queda, o seu rendimento igualmente despenca.

Híbrida: o investimento em Letra de Câmbio com rentabilidade híbrida traz um pouco dos dois mundo.

O rendimento se faz pela junção de uma taxa pré determinada e de um indicador econômico volátil, como, por exemplo, o IPCA.

Por Rafael Mansberger – Especialista em crédito – @rafaelmansberger – E-mail: [email protected]

Caroline

por

Caroline