Publicidade

Casa própria: como comprar a sua da forma certa?

A casa própria está na lista de desejos de muitas pessoas, mas para isso é necessário que tenha um planejamento. Saiba como se preparar para a compra de um imóvel e como fazer isso da melhor forma!

Por:

Publicidade

Casa própria

A casa própria é o sonho de grande parte dos brasileiros.

Afinal, é uma das maneiras de termos independência financeira e ainda começarmos a construir a nossa família.

Infelizmente, por conta da realidade econômica do brasileiro, sabemos que conquistar a casa própria não é algo assim tão fácil.

A partir de então, resolvi trazer para você algumas dicas que podem te ajudar a como comprar uma casa, a sua casa própria.

Antes de mais nada e de finalmente partirmos para as dicas práticas, é preciso que você tenha em mente que para tirar o sonho do papel é imprescindível que você planeje e muito bem cada etapa.

Uma vez que qualquer descuido quanto aos detalhes pode comprometer e retardar o seu sonho.

A compra da casa própria, é sem dúvida o maior investimento que você vai fazer ao longo da vida.

Assim sendo, é preciso que você tenha total controle sobre todas as etapas que antecedem a aquisição do imóvel.

A casa própria depende da liberação de crédito

Se você está planejando comprar a casa própria, é hora de se ater quanto ao seu score.

O seu score de maneira resumida, é um tipo de pontuação atrelada ao seu CPF.

Quanto maior for o seu score de crédito, maiores são as suas chances de conseguir uma alta liberação de crédito que será importante para a compra da sua casa.

Scores mais elevados também asseguram melhor taxa de juros e nesse sentido, qualquer 0,3% a menos pode fazer uma grande diferença visto o tempo de duração do financiamento tanto quanto o valor financiado.

Mas não se preocupe, se o seu score estiver baixo, invista no pagamento em dia das suas contas e quite dívidas.

Pesquisando o financiamento para saber como comprar uma casa

É hora de procurar o seu financiamento.

É através desse meio que grande parte dos brasileiros conseguem fazer a aquisição da casa própria.

Comentei do score no tópico anterior porque veja bem, o score é fundamental para te garantir boas condições de financiamento.

O financiamento é a aquisição de um determinado bem.

Contudo, por meio de recursos de terceiros.

Comumente o recurso advém do banco que paga o imóvel a vista.

Em seguida, você os paga mensalmente com uma correção do valor.

Ou seja, a taxa de juros e outros valores de contratação do financiamento.

Eu sempre recomendo que as pessoas que estão em busca de comprar a casa própria, pesquisem sempre o financiamento antes da casa em si.

Eu defendo essa ideia porque é muito fácil encontrarmos uma casa que nos deixa com vontade de adquiri-la e assim sendo após nos apaixonarmos por uma casa em especial passamos a buscar como loucos um financiamento que possa cobrir o valor dela.

Essa busca realizada assim às pressas pode fazer com que percamos boas opções de negócio.

Para evitar dores de cabeça e prejuízos financeiros, pesquise primeiro o financiamento ideal para você.

Isso vai te assegurar melhores taxas de mercado bem como vai te dar uma ideia de qual o valor máximo que você pode financiar.

Para que você comece a buscar opções de financiamento, é preciso que você tenha pelo menos em mente qual o valor da entrada que você pretende dar.

Bancos diferentes apresentam características diferentes em seus financiamentos.

Enquanto em alguns é possível financiar até noventa por cento do imóvel, enquanto em outros é possível o financiamento de apenas oitenta por cento.

Assim sendo, é importante que você tenha em mente a entrada que você pode dar.

Escolhendo a sua casa

Agora que já nos atentamos quanto aos principais pontos que devem antevir a escolha da casa, chegou a hora tão esperada para quem quer saber como comprar uma casa.

Você precisa escolher o imóvel no qual começará a trilhar a sua vida.

Com base na busca de financiamentos visto no tópico anterior, você saberá mais ou menos o valor que você consegue financiar e deve buscar um imóvel com valor perto disso.

Como nem sempre dispomos de tempo para buscar nós mesmos por uma casa que atenda as nossas expectativas, encontrar um bom corretor nessa etapa pode reduzir significativamente o trabalho.

Embora encareça o preço final.

Se você optar pelo corretor, é importante que ele seja qualificado para a função.

No caso da contratação de um corretor, os métodos utilizados por ele e sobretudo a sua comissão devem ficar claros para você.

Ao ter encontrado o imóvel adequado para as suas necessidades e atendendo a sua limitação de crédito é hora de apresentar o imóvel para o banco.

Ele vai avaliá-lo para determinar se pode ou não aprovar o financiamento.

Para a liberação efetiva de crédito são avaliadas tanto as suas condições financeiras.

Bem como as condições estruturais do imóvel.

Vale destacar aqui que imóveis que apresentam as mais diversas pendências.

Como, por exemplo, o pagamento de tributos (IPTU), não podem ser financiados.

Gostou de saber mais sobre como comprar sua casa própria?

Então não deixe de acompanhar os demais artigos do blog, tenho muitas outras novidades para você!

Por Rafael Mansberger – Especialista em crédito – @rafaelmansberger – E-mail: [email protected]

Recomenda

Últimas