Publicidade

Calculadora financiamento ajuda a determinar o quanto você vai pagar

Você já ouviu falar sobre calculadora financiamento? Na hora de fazer o planejamento, é essencial avaliar os diferentes cenários e negociar as condições! Saiba mais:

Por:

Publicidade

calculadora financiamento

Uma dúvida que eu recebo quase sempre é quanto ao custo de um financiamento.

Pode ser tanto um financiamento imobiliário, quanto um financiamento de carro ou outro bem qualquer.

A principal função da calculadora financiamento é auxiliar a determinar quanto você vai pagar.

Com uma visão mais específica e clara com base na taxa de juros, no valor financiado e no tempo de financiamento.

Vamos conhecer um pouco sobre a calculadora financiamento e como ela pode te ajudar.

Determinando o valor do seu financiamento com uma calculadora para financiamento imobiliário

O financiamento imobiliário é uma modalidade de compra no qual o cliente adquiri um bem sob o qual ele não tem recursos para tanto.

Ou seja, consiste na compra de um bem com recursos de terceiros e no caso do financiamento os recursos são advindos do banco escolhido por você.

O proprietário ou a imobiliária que está realizando a venda recebe o valor a vista.

E o comprador passa a pagar um financiamento mensalmente para o banco que realizou o empréstimo.

Como sabemos que os bancos não são nada bobos, pelo empréstimo que fizeram que nos permitiu comprar a tão sonhada casa própria, recai juros e seguros obrigatórios na parcela mensal que estamos incumbidos de pagar pelo tempo de financiamento.

A parcela do financiamento, seja ele imobiliário ou de um automóvel consiste no valor emprestado para compra do bem.

Acrescido de correção monetária, ou seja, juros referentes ao período para a quitação do débito e seguros obrigatórios atrelados a contratação do financiamento.

Alguns bancos oferecem a possibilidade do cliente fazer uma simulação do financiamento no próprio site da instituição e ter uma ideia de quanto vai pagar mensalmente por seu financiamento.

Outros, entretanto, infelizmente não contam com essa funcionalidade e é aí que entra a calculadora financiamento que vai determinar o valor a ser pago com base nas informações fornecidas por você.

Conhecendo uma calculadora financiamento

Uma das calculadora para financiamento imobiliário mais conhecidas no segmento é a calculadora financiamento Investing.

Embora eu tenha denominado como uma calculadora para financiamento imobiliário, a mesma pode ser usada como uma calculadora para financiamento de carros, motos e outros bens.

Uma vez que trabalha sobre com o valor emprestado, a taxa de juros e o tempo para pagamento.

Ou seja, não há uma especificação quanto a destinação do recurso pretendido.

Ao entrar no site você fornece todas essas informações e ele gera um simulado com quanto você vai pagar mensalmente e qual a porcentagem do seu financiamento corresponde unicamente a taxa de juros que você está pagando.

Acaba sendo uma opção interessante porque muito dos bancos que oferecem a simulação como uma ferramenta que pode ser acessada facilmente on-line pedem uma série de informações que podem acabar desencorajando alguém que está apenas querendo ter uma ideia de quanto o financiamento daquele imóvel tão sonhado ficaria.

Se ao utilizar a calculadora financiamento você perceber que o valor simulado das parcelas cabe no seu bolso é hora de procurar pelo banco que você verificou que oferece aquela taxa de juros e o tempo de pagamento informado por você ao site da Investing.

Há inúmeras outras ferramentas que podem ser usadas para fazer uma simulação, a Investing é apenas uma delas que possui uma interface simplificada e todas as funções sem necessidade de nenhum tipo de cadastro.

Escolhendo bons financiamentos

Se você está buscando um financiamento e não sabe o que considerar além do valor das parcelas, tenho algumas dicas para você como bônus aqui.

Para escolher um bom financiamento, além das parcelas que você vai pagar e claro da taxa de juros, é importante avaliar se há pré-requisitos para a aprovação do financiamento por uma determinada instituição.

Alguns bancos oferecem boas condições mas para aprovação pedem que o cliente faça a portabilidade de seu salário para a referida instituição, por exemplo.

Além dos pré-requisitos verifique o custo dos seguros que estão associados a compra.

A contratação de um financiamento imobiliário, por exemplo, está associado a aquisição de dois seguros.

São eles: seguro MIP (Morte e Invalidez Permanente) e DFI (Danos Físicos ao Imóvel).

Algumas instituições apresentam boas condições de pagamento em um primeiro momento.

Contudo, quando você verifica o valor destes seguros, o pagamento acaba saindo mais caro do que em outra instituição onde a parcela é inicialmente mais alta, mas o valor dos seguros é mais baixo.

Além de considerar o valor que você efetivamente está pagando, leve em conta eventuais benefícios que o pagamento em dia pode proporcionar.

De fato, toda e qualquer diferença entre uma instituição e outra pode trazer uma substancial economia quando fizemos a escolha certa.

Um exemplo é quanto à avaliação técnica do imóvel.

Alguns bancos cobram do possível comprador um valor para fazerem a verificação das estruturaras do imóvel, tanto as estruturas físicas quanto elétricas e hidráulicas.

Outros já não praticam essa cobrança.

Gostou de saber mais sobre a calculadora financiamento?

Então não deixe de acompanhar os demais artigos do blog, tenho muitas outras novidades para você!

Por Rafael Mansberger – Especialista em crédito – @rafaelmansberger – E-mail: [email protected]

Recomenda

Últimas