Publicidade

Volatilidade nos investimentos e como ela te afeta

Por:

volatilidade
Fonte: Google
Publicidade

Você sabe o que é volatilidade nos investimentos e como ela pode impactar positiva ou negativamente os seus ganhos?

Se você nem mesmo sabe o que é volatilidade e não sabe se ela te ajuda a ganhar ou perder dinheiro está na hora de por um fim a essas dúvidas e dominar o assunto.

Não se preocupe, infelizmente no Brasil não temos o costume de poupar e igualmente de investir o que foi poupado.

Dessa maneira, as pessoas que acabam fugindo do padrão e resolvem investir acabam tendo muitas dúvidas sobre o assunto.

Em relação ao tema do nosso bate-papo de hoje, caso você considere apenas o aporte do seu investimento e o retorno que ele vai te proporcionar é melhor ter cuidado.

Você está ignorando a volatilidade nos investimentos.

Apesar de ser algo extremamente importante ela pode de fato acabar passando despercebida e prejudicar os seus rendimentos.

O que é?

Podemos entender a volatilidade como uma medida estatística que se faz capaz de determinar a intensidade e frequência com que um determinado investimento sofrerá oscilações.

Como sabemos isso impacta diretamente nos seus rendimentos uma vez que essas oscilações podem ser tanto para mais quanto para menos no valor dos ativos.

É por meio da volatilidade também que o investidor pode ter uma ideia sobre qual será o valor de um determinado ativo em um período de tempo.

Assim ele pode criar melhores estratégias de investimento direcionando seus recursos àquelas opções com menor volatilidade.

Se você está pensando em começar a investir, por meio do conhecimento da volatilidade você pode ter uma estimativa quanto ao preço de um título quando você planeja vendê-lo.

Para pessoas que já dominam um pouco o assunto, elas sabem bem que a volatilidade está diretamente relacionada com o quesito risco e é praticamente inseparável do mesmo.

Para que você consiga entender veja bem, quando um investimento apresenta uma alta volatilidade isso significa que ele pode sofrer bastante com as alterações do mercado e justamente por isso as chances do investidor perder são altas.

Desta maneira o investimento é de alto risco.

Se você tem um investimento de alto risco e sabe disso pode muito bem usar a volatilidade do mesmo a seu favor, mas vou te explicar isso melhor mais abaixo.

A volatilidade quando conhecida não deve te assustar

Não é porque você tem em mãos ativos que podem oscilar bastante que isso deve te impedir de alguma forma.

Use o que você sabe sobre volatilidade a seu favor, ela pode ser uma excelente aliada do investidor.

Como vimos até aqui, isso ajuda o investidor a mensurar de maneira estatística qual será o valor de um investimento ao decorrer de um determinado período de tempo.

Desta maneira ele consegue estimar suas perdas e ganhos e assim definir o rumo dos seus investimentos.

De modo bem simplório, saber que isso existe e ter conhecimento de que ela está diretamente atrelada a ideia de risco te permite determinar o melhor momento para fazer o resgate dos seus títulos.

Vamos imaginar a seguinte situação. Você tem mil reais em um determinado investimento de nome X.

O referido investimento é um investimento de alta volatilidade. Ou seja, ele sofre alterações conforme o mercado se altera.

Se você tem conhecimento disso no seu investimento é fácil determinar qual o melhor momento para fazer o resgate dos seus recursos e maximizar os seus lucros.

Nó sabemos que o mercado econômico pode acabar mudando rapidamente.

Um simples comentário do presidente, por exemplo, pode fazer os ativos despencarem e caso você não saiba quando aproximadamente ocorrerá outra oscilação pode acabar resgatando seus investimentos em um momento de baixa.

Como calcular a volatilidade do meu investimento?

Se você se deu conta agora de quão importante acaba sendo saber a volatilidade do seu investimento você deve estar se questionando sobre como calculá-la, não é mesmo?

A questão é que não existe uma única resposta quando a pergunta acaba sendo como qualquer quão volátil é um investimento.

Uma das opções de como determinar a volatilidade de um investimento é por meio da volatilidade histórica.

Como o próprio nome dá a entender, a volatilidade histórica não garante que a previsão vai se concretizar ao longo do tempo, todavia, ela usa as oscilações anteriores dentro de um determinado período de tempo para calcular essa taxa dos seus ativos no futuro.

Vale destacar que ela é calculada com base nas oscilações históricas não é absoluta e se trata unicamente de uma projeção.

Outra forma de calcular a volatilidade é a volatilidade real.

Como o nome sugere ela se refere a real volatilidade que um determinado ativo terá ao longo do período.

Sem dúvida alguma se faz a melhor para nortear as estratégias do investidor em relação ao momento para venda dos seus ativos.

A volatilidade real tem seu cálculo feito com base na volatilidade história e igualmente em outras variáveis adotadas, como o próprio preço dos ativos que está sendo praticado pelo mercado.

Por Rafael Mansberger – Especialista em crédito – @rafaelmansberger – E-mail: [email protected]

Recomenda

Últimas