Publicidade

Taxa de juros Real: como interfere nos seus investimentos?

Por:

Mercado já vê taxa de juros a 4% em 2020 - 15/10/2019 - UOL Economia
Fonte: Google
Publicidade

O brasileiro infelizmente não tem o hábito de investir.

Na verdade, nem mesmo acaba sendo muito comum o hábito de poupar e posteriormente direcionar esses recursos para um bom investimento.

Quando isso ocorre, muitas dúvidas surgem, o que é totalmente normal.

Uma das mais comuns é quanto a taxa de juros real, o que eles de fato são e como podem interferir nos resultados dos seus investimentos.

Quando você decide efetivamente investir deve se ater a uma série de fatores.

Dentre estes fatores, as tendências do próprio mercado econômico e suas possíveis oscilações bem como eventuais tributações dos investimentos que você planeja investir.

Nesse sentido a taxa de juros real deve ter uma atenção especial uma vez que resumidamente expressa os ganhos reais dos seus investimentos.

Não se preocupe, continue a leitura, que vou te explicar tudo nos mínimos detalhes!

A taxa de juros real é uma aliada do investidor

A taxa de juros real acaba sendo importantíssima porque pode te ajudar a optar por investimentos que apresentam ganhos reais para você.

Ou seja, ganhos acima da inflação para o período.

Os juros reais nada mais são do que os juros nominais, ou seja, o quanto o seu dinheiro rendeu em um determinado período de tempo, com a subtração da inflação relativa para esse mesmo período.

Vamos a um exemplo para podermos visualizar melhor esse cenário.

Vamos imaginar que você tem em mãos dois mil reais que você pretende utilizar para comprar uma TV.

Entretanto, como a TV não é uma prioridade nesse momento você optou por investir o dinheiro em um investimento com juros nominais de oito por cento ao ano.

Ao final de um ano você terá em mãos R$ 2.160.

A inflação para o período foi de 12%, e agora a televisão que você planejava comprar custa R$ 2.240.

Nesse investimento o seu dinheiro perdeu o valor ao longo do tempo. Em outras palavras, você não teve ganhos reais.

Não houve percentual positivo na taxa de juros real.

Para determinar, nesse exemplo, a taxa de juros real precisamos realizar essa equação: 8% (rendimento do seu investimento) – 12% (inflação do período) = – 4%.

Seu rendimento obteve a taxa de juros real negativa, ou seja, não apresentou ganho real no tempo.

Viu como se ater a taxa de juros real é importante?

Taxa de juros real x taxa de juros nominal

Para de fato entender a diferença entre elas é preciso sempre lembrar que embora estejam relacionadas e possam, por assim dizer, estar atreladas não são a mesma coisa.

A taxa de juros real e nominal são diferentes.

Taxa de juros real como vimos representa o percentual de lucratividade de um ativo quando subtraído a inflação relativa ao mesmo período.

A taxa de juros nominal não, ela indica quanto o seu investimento está rendendo ao todo neste tempo.

Quando você vai investir seus recursos, a taxa de juros nominal é informada pela instituição no momento da compra dos ativos e você sabe (no caso de investimentos de renda fixa), qual será o retorno sobre o seu capital.

Para ter então a taxa de juros real é preciso considerar a inflação.

Não podemos nos esquecer da inflação que é decisiva para determinarmos a taxa real de juros.

Para você que planeja começar a investir agora, muitos fatores devem receber a sua atenção para que os seus lucros sejam otimizados da melhor maneira possível.

Ou seja, para que você consiga ter o melhor retorno dentro do capital investido.

Para isso além da taxa de inflação se faz necessário que você olhe também para taxas, tributos e impostos que podem estar atrelados ao seu investimento, como IOF, por exemplo.

Juros diários, juros mensais e juros anuais | Organizze
Fonte: Google

Para garantir que você está fazendo boas escolhas para o seu dinheiro o primeiro passo é optar por uma corretora que não cobre taxas administrativas ou de corretagem, nem taxa de custódia. Não importa bem o nome dado, o importante é que a corretora na qual você pretende começar a investir não cobre taxas pelo investimento feito.

Com esse cuidado você garante uma rentabilidade líquida significativamente melhor, ou seja, o retorno sob o seu dinheiro investido será satisfatoriamente mais elevado.

Influência sobre os seus investimentos

Como vimos, se você não considerar a taxa de juros real no momento de escolher pelo seu investimento pode acabar perdendo dinheiro, como vimos no caso da televisão.

Em muitas ocasiões a poupança acabou gerando essa perda aos seus investidores, resultando em perda de dinheiro ao longo do período.

Aliás, aproveito para dizer que embora seja um dos investimentos preferidos dos brasileiros pela ideia de segurança e rentabilidade a poupança está longe de ser o melhor investimento.

Não sendo nem mesmo o mais rentável, nem igualmente o mais seguro.

É possível encontrar boas opções de renda fixa com a mesma segurança da caderneta de poupança, mas com uma rentabilidade melhor.

Por Rafael Mansberger – Especialista em crédito – @rafaelmansberger – E-mail: [email protected]

Recomenda

Últimas