Publicidade

Guardar dinheiro: 4 truques que funcionam

Ter uma reserva para emergências, é muito importante! Nesse artigo, vamos te ajudar a iniciar um planejamento para você ter sempre segurança e dinheiro guardado!

Por:

Publicidade

Quando foi a última vez que você efetivamente guardou dinheiro?

Ou seja, conseguiu pagar todas as contas do mês com o seu salário e ainda sobrou um pouco para aumentar as suas economias?

Se você nem mesmo tem um fundo para eventuais imprevistos e urgências está na hora de começar a sua agora mesmo.

Com a estabilidade econômica que estamos vivendo, acaba sendo mais do que necessário ter uma reserva de dinheiro.

Ela se faz necessária tanto para o caso de sermos mandados embora, quanto para pagarmos algum eventual imprevisto, que pode efetivamente acontecer, e eu já te adianto, eles vão acontecer, quando você menos esperar, é claro.

Não sabe nem por onde começar a economizar para poder guardar dinheiro e construir o seu fundo?

Você está no lugar certo.

Aqui reuni algumas dicas para te ajudar a trilhar o caminho da sua independência financeira.

4 truques para quem deseja guardar dinheiro

Use o dinheiro ao invés do cartão de crédito e rapidamente comece a guardar dinheiro

Essa pode parecer uma dica boba, mas você vai perceber que essa é muito boa se você realmente quer guardar dinheiro.

Sempre que for comprar algo, por mais caro que seja, experimente o pagamento em notas, cédulas mesmo, evitando assim o uso do dinheiro de plástico.

Há um certo apego diferente para o dinheiro vivo, um tipo de apego que é inexistente quando pensamos no cartão de crédito e eu quero que você explore esse apego emocional.

As compras que usamos o dinheiro vivo, se tornam muito mais difíceis por isso.

Nós vemos as notas dando tchau tchau e há uma certa resistência nisso.

Por incrível que pareça, isso é real.

Você vai gastar bem menos voltando à moda antiga, faça o teste.

Quer um exemplo?

Quantas não foram às vezes que você quis muito um produto, mas como precisou juntar dinheiro para comprá-lo quando efetivamente tinha todo o recurso necessário, percebeu que aquilo não valia todo o esforço que você teve para ganhar e guardar aquele dinheiro?

Essa situação vai nos levar a dica dois, que é quanto as compras por impulsa que são fortes inimigas do hábito de guardar dinheiro.

Mas antes disso quero falar sobre outra vantagem de comprar com o dinheiro ao invés do cartão.

Normalmente quando compramos com o cartão de crédito, estamos contanto com um dinheiro que ainda não veio, o que pode acabar mascarando o nosso poder de compra.

Quantas vezes você não abriu a fatura e viu que acabou gastando um pouco mais do que podia e comprometeu todo o orçamento com isso?

Infelizmente isso é comum.

Com o pagamento em dinheiro você compra somente aquilo que de fato pode pagar.

Controle o seu impulso por comprar

Quantas vezes não agimos por impulso?

Nisso acabamos comprando coisas que muitas vezes nos arrependemos e que nem mesmo terão a devida utilidade para nós.

A partir de agora, antes de comprar efetivamente o que deseja ou o que encontrar em promoção, experimente esperar um tempo, ou até mesmo algumas semanas para decidir sobre a referida compra.

Se for algo que você realmente precisa e que terá utilidade para a sua rotina, você se lembrará do produto e ainda pensará em comprá-lo.

Caso você nem mesmo se recorde, considere isso uma vitória, você deixou de realizar uma compra por impulso e conseguiu com isso economizar.

Tenha um planejamento financeiro

É incrível quando você começa a anotar as suas despesas e descobre exatamente para onde está indo o seu dinheiro.

Você passa a notar que pequenas compras diárias, levam a um valor significativo depois de trinta dias.

Mas eu sei para onde está indo o meu dinheiro.

Eu tenho certeza que você não sabe, duvida?

Anote tudo o que você gasta desde os menores gastos, como um real de bala ou chiclete na cantina da faculdade, até os maiores gastos e mantenha o seu controle atualizado diariamente.

Você vai perceber que existem gastos que você nem mesmo se dava conta.

Para que você tenha uma ideia, só a partir do momento que passei a registrar todos os meus gastos em uma planilha orçamentária, percebi que gasto mais de oitenta reais apenas com streaming.

A partir da visualização adequada dos seus gastos faça uma análise minuciosa e sincera do que pode ser reduzido e cortado.

Por exemplo, se você não tem tempo para academia, por que manter o pagamento da mensalidade que não é assim tão baixo?

Se você parar para pensar, olhando atentamente a sua planilha de gastos vai perceber que há gastos que podem se cortar e outros que podem ser significativamente reduzidos.

Se no começo isso não te ajudar a poupar de fato vai ao menos aliviar a sua saúde financeira.

Comece aos poucos a juntar o que for possível

Se mesmo com todos os ajustes proposto acima, você não conseguir guardar muito, não desista.

Alguns planos de como economizar, recomendam que você economize de dez a quinze por cento do seu salário.

Inicialmente, se isso não for possível, está tudo bem.

De fato, tendo consciência quanto os seus gastos e evitando compras impulsivos guarde o que for possível.

Comecei meu fundo de investimento guardando um real por dia.

Conforme as coisas foram melhorando, do ponto de vista econômico passei a poder poupar mais.

Trabalhar mais para aumentar a sua renda vai te ajudar a guardar dinheiro

Procurar uma maneira de aumentar a sua renda, pode ajudar muito a guardar dinheiro.

Mas para isso, você precisa ter adotado as estratégias anteriores, se não será apenas mais dinheiro que você não saberá para onde está indo.

Gerar mais lucro, vai gerar um impacto positivo no seu bolso.

Todavia, controle seus gastos, reduza as compras e mantenha uma planilha orçamentária para efetivamente conseguir guardar dinheiro.

Se você não tiver como fazer a famosa hora extra no trabalho, talvez esse seja um bom momento para dar início ao seu empreendimento, ou buscar fundos de com baixo risco para investir para fazer seu dinheiro render mais.

Existem alguns negócios de baixo investimento como vender roupas e lingerie em casa que podem fazer a sua renda família melhorar, além claro, de favorecer as chances de guardar dinheiro.

De fato, outra opção para quem sabe cozinhar, consiste na venda de pães caseiros ou doces para festas.

O que não faltam são alternativas de como fazer um dinheiro extra.

Dessa forma, caso você tenha algum conhecimento especifico como saber tocar algum instrumento ou dominar algum idioma, pode dar aulas particulares.

Investimentos de baixo risco também podem te ajudar a guardar dinheiro

Investimentos de baixos risco, comumente apresentam baixo rendimento, mas é uma forma de guardar dinheiro sim.

Você já deve ter ouvido aquela velha frase que dinheiro na mão é vendaval, e realmente é.

Para evitar gastar por impulso, aplique seu dinheiro economizado em um fundo de investimento que mesmo apresentando baixa rentabilidade proporcione segurança.

De fato, atualmente temos uma série de investimentos que vão muito além da caderneta de poupança que possuem a sua mesma segurança, mas com uma rentabilidade um pouco melhor.

Dentre essas inúmeras opções, temos os títulos públicos que são como empréstimos para o governos e as letras de crédito.

Tudo depende exclusivamente do seu perfil, o que não faltam são opções quanto aos investimentos que você pode fazer.

E o melhor, todos seguros e com baixíssimo risco.

Por Rafael Mansberger – Especialista em crédito – @rafaelmansberger – E-mail: [email protected]

Recomenda

Últimas